A tecnologia veio para ficar — pelo menos é isso o que indica uma pesquisa realizada recentemente pela FGV (Fundação Getúlio Vargas).

O estudo aponta que, mesmo durante a crise, os investimentos em soluções tecnológicas se mantiveram estáveis, na proporção de 7,6% da receita desses negócios.

Claro que, nesse contexto, o CRM (Customer Relationship Management) não foge à regra. Afinal, esse sistema já é utilizado de forma massiva nas organizações, alimentando marketing e vendas para a conquista de novos resultados.

Além do mais, auxilia ativamente na gestão do conhecimento corporativo para tomadas de decisões operacionais e estratégicas.

Eleva o nível de maturidade da empresa que, baseado no exercício do aprendizado organizacional, assume uma postura cada vez menos intuitiva e tácita e cada vez mais explicita, contribuindo de forma efetiva para a perpetuidade e crescimento do negócio e de seus colaboradores.

Que o sucesso da ferramenta é unanimidade nós já sabemos, o que nos resta é questionar: como fazer a melhor implementação do CRM em um negócio? O que deve ser avaliado? Quais são os passos para que essa tecnologia seja absorvida da melhor forma possível e trazer o melhor ROI (Return On Investiment) para a empresa?

Quer descobrir a resposta para todas essas perguntas? Então você veio ao lugar certo!

No post de hoje, mostraremos os principais pontos de atenção na implementação do CRM. Você perceberá que esse trabalho envolve desde esforços para preparar as suas equipes de vendas e de marketing, até o redesenho de todos os processos internos. Acompanhe!

Faça um alinhamento com a equipe

O primeiro passo para implementar um CRM com sucesso em uma empresa é alinhar com a equipe, levando ao seu conhecimento os benefícios com o uso da nova tecnologia. Afinal, os colaboradores serão os usuários da ferramenta, principalmente o time comercial.

Além de entender a importância do CRM, portanto, é muito importante que os profissionais saibam como isso vai melhorar os seus desempenhos e, consequentemente, os resultados.

Como fazer isso? Treinamento, é claro.

Você deve realizar treinamentos técnicos, para que os profissionais dominem as ferramentas que serão utilizadas no seu negócio.

No entanto, também não se pode deixar de lado o processo de aculturamento, definido pelos treinamentos comportamentais, levando em consideração a simbiose entre usuário e ferramenta, com objetivo de promover a educação dos colaboradores, quanto aos benefícios da estratégia, bem como a importância do seu uso na rotina operacional.

Definação do modelo de relacionamento

Pode ter certeza: CRM não é apenas tecnologia, mas toda uma metodologia de relacionamento com o cliente.

No final das contas, o objetivo final é fortalecer os laços com o consumidor para que, no longo prazo, os resultados sejam muito maiores e duradouros. É por isso que você precisa pensar bastante em como vai implementar essa ferramenta.

Não só nos aspectos técnicos, mas na prática, quando sua equipe passa a perceber a importância da venda relacional sobre a venda transacional, com a consequente redução do LTV – Lifetime Value (Valor do Clico de Vida), uma das mais importantes métricas do negócio, que estima o lucro líquido sobre o tempo de vida de cada cliente.

Pensar em toda a jornada do cliente, acompanhar o funil de vendas e definir o perfil do seu público, por exemplo, é indispensável para que a ferramenta traga os melhores resultados para o seu negócio.

Afinal, é preciso entender como todo esse fluxo de informações que vai entrar no seu negócio será administrado e, principalmente, quais ações serão desenvolvidas para garantir a fidelização.

Realize o Benchmarking

Aprender com o mercado também é um passo importante na implementação do CRM.

Afinal, as empresas já possuem uma larga experiência com a utilização da ferramenta e, portanto, já é possível levantarmos uma série de cases de sucesso e boas práticas.

Com isso, você encurta o seu período de “aprendizado” e consegue resultados mais rapidamente. Além disso, trabalha desde cedo com níveis de excelência.

Claro, obter informações sobre a prática de outras empresas não é fácil.

No final, as melhores estratégias para conseguir isso é a participação em eventos e feiras de negócios relacionados ao tema, acompanhar informações disponíveis na rede e em veículos de comunicação, além de contar com uma boa consultoria para orientar cada passo.

Redesenhe os processos

O CRM também vem para aperfeiçoar os processos do seu negócio.

A ferramenta permite a coleta, o armazenamento e a análise de dados a respeito da clientela, o que, por si só, já representa uma mudança significativa na forma como você lidará com esse tipo de atividade. Acontece que não para por aí. É possível perceber uma mudança radical nas empresas que utilizam esse instrumento de trabalho.

Em primeiro lugar, é importante destacar que o CRM permite a eliminação de uma série de gargalos de produção.

Documentos importantes como notas fiscais, contratos ou quaisquer outros que surjam em decorrência desse relacionamento com o cliente, podem ser armazenados de maneira automatizada.

Além disso, a própria dinâmica de vendas é alterada, já que os profissionais podem dedicar mais tempo nas negociações.

Conte com especialistas

Já falamos um pouco sobre o assunto, mas vale a pena aprofundarmos um pouco mais. Contar com especialistas em CRM durante a implementação desse tipo de sistema pode fazer toda a diferença no sucesso dessa nova empreitada.

Afinal, eles possuem um know how completo a respeito das melhores práticas do mercado, ajudando a trazer os resultados esperados de uma forma mais rápida e segura.

É justamente por isso que você deve avaliar bem e escolher uma empresa que ofereça não só um sistema desenhado especificamente para o seu ramo de negócios, mas que também auxilie em todo o processo de implementação.

É uma forma não só de “cortar caminho”, mas, principalmente, de garantir a excelência em todo o processo de implementação do CRM, que, certamente, trará os resultados esperados para a empresa.

Em resumo, o CRM pode trazer excelentes resultados para um negócio e, como vimos, já é uma ferramenta utilizada em larga escala pelas organizações.

Para se manter no mesmo nível de competitividade, portanto, é preciso considerar não só o uso da estratégia, mas, principalmente, sua aplicação da melhor maneira possível dentro da organização — a tecnologia, portanto, veio para ficar.

É justamente por esse motivo que a implementação do CRM precisa ser pensada desde cedo. Assim, o gestor consegue extrair o máximo do que o sistema é capaz de oferecer, e as equipes de marketing e de vendas garantem ainda mais resultados para o negócio.

Por sinal, é com planejamento que você, não só facilita a implementação do CRM, mas, também, desenvolve melhor o desempenho de toda a organização.

O post de hoje te deixou interessado em implementar o CRM no seu negócio? Então que tal fazer isso da melhor maneira possível? Entre em contato conosco agora mesmo e descubra como!